segunda-feira, 11 de abril de 2011

O OPÉRCULO DE TUAS CAVIDADES....





Quem é você que chegou sutilmente...

Não te vi... Silenciosamente tirou os sapatos

Vi-me seu apêndice... Não me reconheci...
Totalmente decifrada por outro alguém...
Meu almanaque aos seus cuidados...
Certamente desenhará o mapa
Cognição de minha loucura
Qual a sua metodologia?
Se com um toque me tens como bem entende...
Sou teu objeto de observação... Descreve- em vários ângulos...
Através de hipóteses; encontra a conclusão...
O opérculo de tua cavidade...



2 comentários:

Ana Claudia disse...

E pra terminar a noite com um toque de incitação e beleza...
Beijos!

Andre Martin disse...

Eis meu oráculo:
Ficou bem na foto!

Postar um comentário

Seja bem-vindo!
O sucesso deste blog depende de sua participação.
Comente!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...