quarta-feira, 27 de abril de 2011

O LEGADO DE UM POETA



NOS SEUS OLHOS, O BRILHO ABRAÇANDO-ME...
TINHA UM SORRISO PULSANDO - BEIJO SEU.
UM ARREPIO DENSO, OCULTADO PARA FORA DO CORPO...
O PÓRO QUE SE DEBATE... DESEJA-ME...
A RIBALTA TRANSLÚCIDA DOS TEUS DEDOS
TECENDO O PRATO QUE MATA A MINHA FOME
 “TENHO FOME...”
DÊ-ME TEU PEITO PARA ME NUTRIR...
ENGULO FANTASIAS SOLTAS... INSPIRAÇÃO DO TEU CHEIRO...
CHEIRO QUE SUSPIRA, ESPALHA... EXALA... SAUDADES!
SAUDADES DA CIRCUNFERÊNCIA DE SEU UMBIGO... TAÇA MINHA...
BEBO-TE...
ACORDO SANGRANDO EM PLENA MADRUGADA,
SINTO SUA SOMBRA NA PAREDE... APALPO...
EXISTÊNCIA VIRTUAL... CALA-TE!
SILENCIOSAMENTE SONHE MEUS SONHOS LOUCOS
SONHOS DE UM POETA TRISTE... TRISTE SEM VOCÊ...
TRISTE... ACOMPANHADO DE PALAVRAS – “ESCREVO”
SEGREDOS NA ALMA...
VÃO PARA O TÚMULO...
SEUS AMORES...
SUA SAUDADE...
E SUAS PALAVRAS...
O LEGADO DE UM POETA.

3 comentários:

Palestras disse...

Escreves muito bem, tamo junto...
se puder me siga
http://www.prsantosmissao.blogspot.com/
Abraços, estarei sempre poraki...

•*♥*• Sanzinha •*♥*• disse...

Tão ruim morrer de amor no sonho e acordar vivendo só na cama, não é? rs
Adorei o poema.

Beijo grande!

acalenta disse...

Oi Amiga!

Passando para desejar a você um excelente dia.
beijinhos
Acalenta

Postar um comentário

Seja bem-vindo!
O sucesso deste blog depende de sua participação.
Comente!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...