domingo, 14 de agosto de 2011

A PRIMEIRA VEZ


PAIS, amem seus filhos educando-os, ensinando reais valores como respeito ao próximo, solidariedade, responsabilidade, firmeza de caráter, amor, dedicação, amizade, lutar pelo que quer e conseguir seus objetivos. Ensine-os a gostar de coisas boas, construtivas e sadias, assim, quando vocês já não estiverem mais aqui, eles poderão lembrar com carinho os pais maravilhosos que vocês foram. E em homenagem a meu Pai que não está mais aqui, vou dizer o quanto sinto de saudades dele. Contigo aprendi e sinto falta de muitas coisas boas nessa vida, como manter o bom humor, ser brincalhona com as pessoas mas nunca faltando o respeito, ser alegre, a gostar dos filmes de ação que assistíamos juntos, dos desenhos animados que você sentava no sofá da sala junto comigo para sorrir com Faísca e Fumaça e até mesmo das cacetadas do Faustão. Enfim, você só foi meu heroi.Parabéns por hoje e por todos os dias que vocês sabem ser pais. E parabéns também a Aldo, meu marido. Você é um pai maravilhoso. Parabéns Papais do Brasil!
Beijos carinhosos,

Edna Guedes






Calma pessoal! Não é aquela primeira vez que vocês pensaram. Disso a gente pode falar mais pra frente. É sobre o primeiro post. Minha apresentação. Quero aproveitar bem meu espaço nesse blog com a ajuda de vocês, tá? Então vamos às apresentações? Eu sou Edna Guedes, porém em meus escritos uso o pseudônimo Priscila Mafeguna, que é em homenagem à minha filha que não está mais entre nós, e estou aqui para dividir com vocês um pouco dos meus escritos, das histórias loucas que eu invento, e através de posts, conversarmos um pouco. Sou casada, nordestina e pernambucana com muita honra, tenho uma filha que só me dá orgulho e prazer, pois é dedicada, carinhosa e inteligente. Advogada e turismóloga de formação, porém trabalho no Governo do Estado sem relação alguma com o que estudei. Sobrevivo aos meses de maio já há algum tempo, porém não vou dizer a minha idade, embora não tenha problemas com isso, é só para vocês não ligarem meu juízo a ela. Eu adoro escrever. Desde tenra idade escrevia historinhas com personagens que eu imaginava que era. Romântica por natureza e de carteirinha, ainda hoje acredito em amor à primeira vista, em príncipes encantados e que toda panela tem sua tampa e que ninguém nasce frigideira. Por um tempo quis ser atriz, seria uma forma de ter inúmeras personalidades, mas vi que não me encaixava no perfil. Muito tímida para não dizer totalmente desprovida de talento, eu queria ser Glória Pires, mas ela já havia nascido e eu sobrei. Foi então que depois de longos cinco minutos querendo ser estrela de Hollywood, vi que minha praia era mesmo escrever. E nas letras eu descobri o meu lugar. A primeira história que inventei eu nem lembro mais quantos anos eu tinha, só lembro da última, é o mínimo que meu "amigo alemão" me permite. Sei apenas que era um romance. Ah, como era tudo perfeito. Eu acho mesmo que nesse mundo de violência, dominado pela ganância do homem e de sua insolidariedade, é muito bom naquelas horas vagas, pegar um livro, ler e sonhar, suspirar pelo amor perfeito, da pessoa ideal, das inúmeras situações vividas nas histórias de amor ali descritas, pois no outro dia, a nossa triste realidade nos espera e nos devora. Atualmente publiquei no Bookess, Clube de Autores e no Agbook, um romance voltado para o público bem jovem, mas quem gosta de romance um pouco apimentado e bobinho, vai gostar. O título é Luísa. É a história de uma jovem recém saída da adolescência que tem como objetivo ser jornalista. Ela tem um namorado mas isso não a impede de sentir uma atração quase fatal por outra pessoa. Só tem um porém, ele é mais velho que ela dezessete anos. Ele também se encanta por ela, lógico, uma linda morena de cabelos negros, menina e mulher, toda atrapalhada mas que sabe exatamente o que quer, quem não se encantaria? Será que essa diferença de idade vai atrapalhar o relacionamento dos dois? Só lendo para saber. Bem, por hoje é só pessoal. Amanhã a gente tenta mais. Um beijão!

Um comentário:

Francilangela Clarindo disse...

Que linda homenagem a sua filha. Ela está eternizada através de suas linhas. Parabéns!

Postar um comentário

Seja bem-vindo!
O sucesso deste blog depende de sua participação.
Comente!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...