quinta-feira, 13 de outubro de 2011

Qual a mensagem que você quer transmitir?


Em certo momento da vida, ocorre uma catástrofe, seja ela, emocional, ou de cunho material, não importa; o importante é  ter em mente que todos as dificuldades surgem como molas propulsora de um despertar espiritual progressivo que se inicia sempre através de uma centelha de consciência de que algo  tem que ser feito para sair do lugar que estou, e ir em busca daquilo que preciso, para tanto, devo admitir que o primeiro passo, é me olhar no espelho sem tanto medo do que posso ver - olhar as minhas amarguras; meus defeitos amontoados, sem me julgar, ou me subestimar, apenas estar ali, com a minha própria companhia, num laço de amizade e respeito.
Olho no espelho, e espero melhorar para que eu possa ser mensagem de algo... Até quando? Até quando alcançar um estado de perfeição? Nem a morte me trará o acerto de meus erros em uma superfície lisa, simétricas e impar - que mensagem posso passar, sendo eu, imperfeita, e com a estranha mania de colecionar defeitos de estimação? E por que não partir da ideia de que posso melhorar, já que consigo ter a humildade necessária em reconhecer meus aspectos deformados? Esta é a mensagem?

Não sei qual é a mensagem...
Aprendi tão pouco por ser teimosa...
Doei-me em demasia por interesses infrutíferos, mesquinhos e medíocres.
Chorei por semideuses cultivados por uma mente insana; um espírito pobre, micho. 
Gastei dinheiro com minha vaidade, olhando pessoas pedirem um prato de comida, e disfarçadamente, me questionei - O que eu tenho com isso?
Provei do abandono; abandonei também, fui proba em muitas vezes, em outras, me faltou o caráter e simplesmente perdi para as minhas vontades.

Qual a mensagem que devo transmitir?
A de que nunca mais voltarei à mediocridade?
É mensagem de que, através de meus melhores esforços, posso vir a melhorar, e não ser mais provável mendiga de mim mesma? De que não será mais, causa mortis, aquilo que mais abuso, por ser de fato, o que mais gosto de fazer, prejudicando-me sem perceber?

Que amor incondicional é esse? De onde vem? Para onde vai?
Eu não sei... Sei apenas que posso transmitir qualquer mensagem, até mesmo daquilo que não se deve fazer, e se fizer, tudo bem, vai se "ferrar", porque fiz e me "ferrei", mas se achar que contigo será diferente, faça, e se acaso se "ferrar", irei descobrir o que é amor incondicional; amar quem não erra; amar quem eu quero amar, é muito fácil... Quero ver amar quem erra todo dia... Quero ver amar quem não consegue deixar de se ferrar, ou que ainda não aprendeu com a sua própria "ferrada".

Posso até conseguir transmitir alguma mensagem, mas sei...
Jamais conseguirei determinar quem irá recebê-la.
E receber não é apenas ler...
Se fosse assim, eu teria aprendido com o meu diário; e descobriria que persistir no mesmo erro, esperando por um resultado diferente, chama-se insanidade... Pronto! Acabei de descobrir algo em mim, que nego dando três pulinhos com os dedos cruzados, jurando que não sou... Quero acreditar nisso, mas por que será que sempre dói quando vou colher limão, querendo que seja jabuticaba?

A mensagem que quero transmitir hoje, é para mim, a pessoa que mais convive comigo, e que a menos conheço...
Não preciso ser perfeita, apenas preciso acreditar que posso ser melhor.


TEXTO DE ADRIANA VARGAS
Texto e criação do autor, ao utilizar este texto, por favor, não se esqueça de mencionar a autoria.





ESTE LIVRO ESTÁ ´PARTICIPANDO DO SORTEIO DO DIA 10/11, VAMOS VOTAR NA ENQUETE E COMENTAR O POST PARA CONCORRER AO LIVRO, E POSSO DIZER SOMENTE UMA COISA A RESPEITO DELE - ESTE LIVRO É SIMPLESMENTE PERFEITO, ESTÁ EM MINHAS MÃOS, E É MARAVILHOSO!"


Livro 3: Um por Um
Autor: Fernando Soares






A poesia de Fernando Soares é sem aspas. Nua e crua, como diziam os antigos. No entanto, romântica, sem queixas, sem dor explícita. Sem parênteses. Direta e amável. Esta é a palavra correta para descrever sua escrita – amável, dentro do tom. Pois há momentos em que grita. Na hora adequada. Assim:

Não há chaga aberta
Cicatrizes, decerto
Nem mágoa, nem júbilo
Dor, se há, só implícita
Vive a alegria, explícita,
No sorriso rútilo
No olhar esperto
Na palavra direta



8 comentários:

Cesar S. Farias disse...

Nesse ofício de escritor, acho que é muito importante sermos autênticos e não copiarmos descaradamente as mensagens dos outros. Somente assim, evoluindo e em constante renovação interior, vamos cativando leitores, apesar de nossas imperfeições.

Paulo Cesar PC disse...

O texto em todas as suas linhas é um convite ao pensar. Feliz é o blog que propõe seu leitor a pensar. Parabéns e um grande abraço.

Evanir disse...

Toda sua postagem fala muito do eu que existe em nos .
aquele eu que por mais que procuramos escrever nunca colocaremos num livro.
Na verdade muitas coisas já vivemos não conseguimos achar ficou escondido em algum lugar onde guardamos e jogamos a chave fora.
Quantas vezes já li onde existe coisas semelhantes isso não quer dizer que o Autor tenho copiado de algum livro pronto.
Por isso a ultima frase escrita já diz tudo..

Não preciso ser perfeita, apenas preciso acreditar que posso ser melhor.
Adriana,,,
Creia você tem razão precisamos acreditar sempre
Não precisamos ser perfeita pois ninguém é minha amiga.
Eu mesmo faço tudo para dar o melhor de mim.
Anjo lindo estou mortinha de curiosidade para ler esse livro.
Um beijo carinhoso amiga e escritora(Adriana)
Evanir

Anna Leão disse...

Engraçado, hoje mesmo pensava nisso: os erros repetidos que cometemos, frutos de antigos padrões que achamos que transmutamos rsrsrs. Mas o que é, devemos mudar nossa natureza?! Achar a linha tênue que separa o aprimoramento e a evolução, da nossa própria natureza que é o grande desafio! Por isso acho que o mais importante é a autenticidade, quando agimos por nós mesmos, pelo que sentimos e pensamos no momento, pois no fundo, tudo é ganho, tudo é acerto, tudo é aprendizado, tudo é experiência. Nada é inválido!
Bjs,
Anna

Nana disse...

Oi
Ótimo texto para refletir.
A vida sempre nos dá barreiras, rasteiras e temos que superar...e procurar não seguir o mesmo caminho de novo.!

Estou seguindo aqui

Sucesso para todos os autores

Have a nice weekend
xoxo
Nana - Obsession Valley

Estante Seletiva disse...

Oi pessoal, tudo bem?
Indiquei um selo para vocês!
Dá uma olhada lá!
http://estanteseletiva.blogspot.com/2011/10/selo-blog-de-qualidade.html


Att,
Wanessa Guimarães

O meu pensamento viaja disse...

Belo texto!
Vim deixar um beijinho e desejar um ótimo fim de semana.
Nina

elvira carvalho disse...

Um texto que nos leva a refletir, e mais do que isso nos faz interrogarmo-nos. Ninguém se conhece a si mesmo. A prova é que em ocasiões de extrema prova seremos capazes de reagir de modo que nunca imaginariamos.
Um abraço e bom fim de semana

Postar um comentário

Seja bem-vindo!
O sucesso deste blog depende de sua participação.
Comente!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...