sexta-feira, 8 de junho de 2012

There She Is

Um tema que gosto muito de abordar no que escrevo são as diferenças e os preconceitos criados a partir delas. Como vim do interior de Santa Catarina, de uma criação de colonial italiana de mente bem estreita para variedades, crescer em Foz do Iguaçu no Paraná me fez perceber desde cedo como as diferenças são enriquecedoras em nossas vidas. Foz do Iguaçu é um pedaço do mundo repleto de concentrações de vários outros pedaços do mundo. Nas minhas turmas de escola a variedade não era só de origem - árabes, orientais, europeus, americanos, latinos -, mas de crenças, sotaques, temperos, modos de pensar e de ver os fatos. Esse cenário multicultural me fez perceber muros que já estavam a minha volta quando criança, e aprendi a olhar por cima deles a partir do meu próprio cerco. 
Por isso, o assunto é tão presente em Almakia: as diferenças quem cria somos nós.

Em 2010 quando eu dava aula de criatividade textual, ao final do curso procurei por um vídeo que não só contemplasse tudo o que havíamos falado desde o começo, mas que a temática envolvesse diferenças e superação delas em nome de algo maior. Foi assim que decidi pela web-animação coreana produzida pela equipe SamBakZa. 

Dividido em cinco partes, ele começa divertido e bonitinho. No meio fica pesado com a realidade, e tem um final repleto de significados. Como as músicas são em coreano, procurei pelas traduções e montei uma legenda, para que esses significados ficassem completos. Sem muito spoilers, curtam esses vídeos que e entendam porque eles estão entre as minhas histórias favoritas:





Site oficial (em coreano) para quem quiser conferir :D

Um comentário:

J.C.Hesse disse...

Muito interessante e até podemos nos envolver mesmo.
Abraços
J.C.Hesse

Postar um comentário

Seja bem-vindo!
O sucesso deste blog depende de sua participação.
Comente!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...