sábado, 16 de março de 2013

O Cheiro dos Livros

Bom dia!

Hoje estou aqui para falar sobre um assunto um pouco diferente: “o cheiro dos livros”. Afinal, quem nunca se pegou cheirando as folhas de um livro, ou até mesmo, viu alguém fazê-lo?

Eu sou uma dessas pessoas que tem a mania de cheirá-los. Às vezes, é uma das primeiras coisas que faço quando eles chegam.
Mas, vocês já se perguntaram o porque isso ocorre? Qual a possível razão para algumas pessoas sentirem essa imensa necessidade de cheirar livros?

Pois bem, é sobre isso que quero falar…

Em um mundo onde os livros digitais estão cada vez mais inseridos na sociedade, inúmeras pessoas ainda são contra a ideia. O principal motivo? Os livros digitais não têm o cheiro que os livros físicos, impressos, tem.
Os livros são feitos de matéria orgânica e, essa matéria reage aos efeitos da natureza, como calor, luz, umidade e também aos produtos quimicos utilizados em sua produção. O cheiro acaba sendo resultados da reação desses fatores junto a matéria orgânica.
Segundo Químicos da University College London, em Londres, no Reino Unido, o odor de livros velhos e chegaram à conclusão que os papéis de livros mais velhos liberam centenas de substâncias orgânicas voláteis. O cheiro é uma combinação de grama, ácidos, baunilha e mofo.
Os prdutos quimicos citados pelos cientistas são encontrados na madeira e na celulose, das quais o papel é feito e também nas tintas utilizadas na impressão do livro.
A principal razão para a decomposição dos livros é a acidez. Por isso, livros impressos nos séculos 19 e 20 se deterioram mais rapidamente. Possuem mais acidez.
A qualidade do papel também é determinante nesse processo. Existem livros que sobreviveram mais de 500 anos simplesmente devido a pureza que o papel possui.
Os livros também podem reagir a materiais externos e absorver os cheiros do ambiente.
Devem ser guardados em locais secos e com pouca umidade, além de pouca luz.
Com certeza, os livros também têm a capacidade de armazenar lembranças e cheiros de quem os possui.
Diz-se que o homem aprecia algo até o momento em que algum cientista explica seu significado. Mas, com os livros, a reação (pelo menos de minha parte) é de ainda mais interesse. Saber a origem de algo que amamos é ainda mais interessante. Leio alguns livros no computador, mas a magia que os livros impressos têm, é inexplicável.
O que posso dizer… O cheiro de livros é irresistível!

Espero que vocês tenham gostado…
Aqui, fica uma curiosidade escrita por essa leitora...
Tífany Baesso

4 comentários:

renatocinema disse...

Assino embaixo......viva o cheiro da cultura.

Mariana Mello Sgambato disse...

Adorei o texto. Tenho essa mania tbm! rs

ENSINAMENTOS ESPIRITUAIS disse...

Adoro também...

Ordem do Saber disse...

Comecei a cheirar todos os livros aqui em casa, acho que virei dependente.....rs.

Acho que sou old school, para mim os livros impressos nunca poderão ser substituídos pelos digitais.
Nada mais agradável do que ter um mundo em suas mãos em forma de livro físico.

Uma boa semana.

Postar um comentário

Seja bem-vindo!
O sucesso deste blog depende de sua participação.
Comente!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...